Não bastaram as campanhas de conscientização, as lixeiras, o horário encerrando mais cedo. O fato é que o público não cooperou e transformou a praça em frente ao Gotazkaen em um caos.

Na noite desta terça-feira (5), eles anunciaram que irão dar uma pausa “para mudar o que se demonstra inadequado ao que a gente acredita”.

O local conseguiu atrair movimento para um espaço até então morto na cidade. Nas noites de sexta muita gente nem precisava entrar no bar para curtir o rolê.

Mas com a grande movimentação também vieram os problemas. “As pessoas que passaram a frequentar a praça, e que deveriam zelar por ele, a ocuparam de forma totalmente desorganizada: carros com seus “patrimônios culturais” sonoros disputando quem fazia mais barulho; diversos ambulantes ilegais que despejam todo seu lixo no chão e não se acanham em vender bebidas alcoólicas para menores; pessoas desmaiadas ou passando mal devido ao uso irresponsável de drogas e álcool; venda e uso drogas na cara de pau; utilização das ruas e portas da vizinhança como banheiro (tanto pro nº1 como nº2); algumas brigas; e claro, lixo, MUITO LIXO, (copo, cigarro, bebidas, garrafas quebradas, sacolas de supermercado, etc).

Constatamos, triste e completamente insatisfeitos com o novo cenário, que o caos havia se instalado naquele lugar que antes não era tão frequentado”, escreveram eles no anúncio publicado no Facebook. E é verdade.

O que era pra ser um espaço público de lazer, repleto de momentos de alegrias e confraternizações, andava uma zona.

A verdade é que perdemos todos.

Comments

comments